Como encontrar uma doula para chamar de sua ? – Por Monique Lima

Doula é uma acompanhante de parto treinada, não substitui seu acompanhante. Dá-te apoio físico e mental. Podendo te ajudar e esclarecer dúvidas antes, durante a após o nascimento. Não faz avaliação (exame de toque, ausculta fetal) e nem dá nenhum diagnóstico. Não substitui o seu acompanhante previsto por lei ( Lei no 8.080, de 19 de setembro de 1990), nem  médico e/ou enfermeira.

2794366

Vamos ao tutorial de como encontrar uma:

1- Pesquisa on line e indicações

Procure participar de grupos de apoio virtuais como os do facebook, neles sempre têm lista de indicações de profissionais. Entre os grupos mais conhecidos e respeitados a nível nacional como o: (https://www.facebook.com/groups/cesareanao/?fref=ts). Se for pelo GOOGLE pode pesquisar em sites como ohttp://www.doulas.com.br/encontre.php ou pelo celular (https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.PartoHumanizado&hl=pt_BR), lembre-se sempre de colocar Doula e a região que você mora.

2- Entrevistar as doulas

Anote os nomes das doulas que foram indicadas nos grupos, por amigos ou da sua pesquisa online e marque um encontro, sem compromisso individualmente com cada uma. As doulas estão acostumadas com esse encontro, que geralmente é gratuito e em um local conveniente para todos. Não se escolhe doula pelo “perfil do facebook”!!!

É o primeiro contato que você terá com aquela pessoa que te acompanhará durante toda a gestação, no seu trabalho de parto e parto e no seu pós parto também. Será ela que vai receber e responder suas mensagens nas madrugadas  vai te tocar, te acolher e te dar o apoio físico e emocional, então a empatia precisar acontecer. A química precisa rolar entre as partes (o seu acompanhante também deve participar).

Tire todas as suas dúvidas (leve anotadas), pergunte sobre contrato, disponibilidade, forma de pagamento (mesmo se for uma doula voluntária, existe ajuda de custo), dinâmica de encontros individuais e coletivos, quem é sua substituta em casa de algum imprevisto, linhas de pensamento (trabalha com a idéia de humanização ao parto? Medicina baseada em evidências científicas?), no caso de cesárea, qual o tipo de acompanhamento? .

Questões sobre “tempo de experiência, quantos partos já assistiu” acho que depende da necessidade de cada mulher, pois uma doula não se mede a qualidade pelo quantitativo.

*Se for remarcar, sempre com antecedência.

3-Retorno

Após entrevistar todas veja a que mais lhe agradou.

As que você não se identificou, ou está fora no seu orçamento ou outras questões, dê um retorno. Pode ser apenas uma mensagem como: Obg pela atenção, porém continuarei a busca por alguém que se parece mais comigo ou Obg , mas encontrei uma doula que me identifiquei mais.

Isso é lindo. A doula vai lhe entender, somos acostumadas com isso.

Chato é marcar a entrevista, não dar nenhuma resposta definitiva, recorrer a doula em busca de informação e não lhe dar nenhum posicionamento. A doula tem que se programar com a quantidade de mulheres que acompanha por mês, preparar material, encontros. Ela se preocupa com você mesmo antes de assinar um papel (contrato).

Se gostar de duas ou três tente ser um pouco objetiva na sua escolha (a não ser que possa pagar por mais de uma doula) e converse com seu acompanhante para lhe ajudar nesta escolha. Observe a que mais se encaixa no seu estilo de vida e nas suas expectativas. Se for uma que cobra mais do que pode pagar (ou planejou) e gostou muito dela, ligue e explique a situação e tentem juntas algumas soluções (ninguém deve deixar de ter uma doula pelo dinheiro).

Após escolher “a doula que você quer chamar se sua” marque um encontro para fechar o contrato ou selar esse acompanhamento. O quanto antes fizer isso melhor, pois vocês terão mais tempo para se conhecer, dividir ansiedade e se empoderar com o auxilio de quem entende dos “paranauês”.

** Não fique cozinhando a doula em banho Maria  rsrsrsrsrs.

4- Relacionamentos com a doula

Vocês vão construir juntas, pode até virar amizade sim, mas o profissionalismo deve ser mantido. Troque telefones, email e se possível endereços.

Mais informações:

https://www.facebook.com/groups/266603320207794/

(Texto retirado do blog Doula Monique – http://doulamonique.blogspot.com.br/2015/05/como-encontrar-uma-doula-para-chamar-de.html )